Reino Unido impõe quarentena de 14 dias a viajantes vindos da Espanha

O governo do Reino Unido excluiu a Espanha da lista de países seguros e isentos de quarentena, imposta pela pandemia de coronavírus. A partir de agora, os viajantes procedentes do país deverão se isolar durante 14 dias ao chegarem ao território britânico, confirmou o ministério dos tranportes neste sábado, 25. Quem desrespeitar a determinação poderá ser multado em até 1.000 libras esterlinas (cerca de 6.600 reais).

Até o momento, a Espanha estava ao lado de países considerados seguros pelo Reino Unido, como França, Alemanha, Estônia e Eslovênia.

O secretário de Relações Exteriores britânico, Dominic Raab, disse que o governo não vai se desculpar pela medida : “Tomamos a decisão o mais rápido possível e não podemos pedir desculpas por isso. Devemos ser capazes de tomar ações rápidas e decisivas, particularmente em relação a [surtos] localizados, ou internacionalmente em relação à Espanha”, declarou ao programa de TV, Sophy Ridge neste domingo. 

A decisão do governo britânico ocorre após várias regiões espanholas identificarem novos focos de Covid-19 e um aumento no número de contágio. 

Continua após a publicidade

O Ministério da Saúde da Espanha registrou mais de 920 novos casos na quinta e na sexta-feira, os números mais altos desde o início de maio, quando o governo começou a atenuar um dos mais rígidos bloqueios da Europa. No total, o país registra 272.471 casos da doença.

A situação é particularmente preocupante na Catalunha. Em um levantamento mais recente, nas últimas 24 horas, foram contabilizados 1.493 casos e três mortes relacionadas à doença apenas na região.

As autoridades se apressam para tentar impedir um novo surto. Boates de Barcelona foram fechadas por duas semanas e um toque de recolher à meia noite foi imposto aos bares que costumavam passar a noite inteira abertos, em uma das noites mais agitadas da Europa. Um bloqueio parcial que afeta 200.000 pessoas já foi imposto no distrito de Segria.

As medidas devem trazer impactos significativos à economia do país. Mais de 10% do PIB espanhol depende do turismo. As praias ao redor de Barcelona costumam atrair milhares de turistas todos os anos, durante o verão. Tui, a maior operadora de turismo do Reino Unido, suspendeu todos os seus voos da Espanha e das Ilhas Canárias que deveriam partir hoje.

Continua após a publicidade

A Noruega já havia anunciado, na última sexta-feira, 24, quarentena de dez dias para as pessoas que retornam da Espanha. Já a França emitiu novos avisos de viagem para a região da Catalunha.

Neste domingo, 26, o jornal El Pais revelou que a Espanha teve 44.868 mortes por Covid-19, desde o início da pandemia, em fevereiro deste ano. O número é 57% superior ao oficial, de 28.432 mil óbitos, que leva em consideração apenas os casos confirmadas por testes positivos.

O jornal chegou à cifra levando em consideração os casos suspeitos, diagnosticados por médicos como Covid-19, mas sem a prova concreta dos testes. O dado se aproxima dos obtidos em  pesquisas semelhantes realizadas por outras instituições da Espanha, como o Instituo de Saúde Carlos III, o Instituto Nacional de Estatística e a Associação Espanhola de Profissionais e Serviços Funerários.

(Com EFE e Reuters) 

Continua após a publicidade

 

Fonte:
https://veja.abril.com.br/mundo/reino-unido-impoe-quarentena-de-14-dias-a-viajantes-vindos-da-espanha/