Quarto Estudo de Gases de Efeito Estufa da IMO: emissões marítimas aumentam em até 50% até 2050, em relação a 2018 | Brazil Modal

As emissões do transporte marítimo de gases de efeito estufa aumentaram de 977 milhões de toneladas em 2012 para 1.076 milhões de toneladas em 2018 (aumento de 9,6%). A intensidade de carbono do transporte marítimo melhorou cerca de 11% nesse período, mas o crescimento da atividade foi maior que os ganhos de eficiência.

Nas próximas décadas, projeta-se que as emissões aumentem em 50% até 2050, em relação a 2018, apesar de mais ganhos de eficiência, pois a demanda por transporte deverá continuar crescendo. Embora os impactos da pandemia de Covid-19 provavelmente causem um declínio nas emissões em 2020, não se espera que eles afetem significativamente as projeções para as próximas décadas.

Estas são as principais conclusões do Quarto Estudo de Gases de Efeito Estufa da IMO, divulgado nesta terça-feira (4). O estudo foi preparado para a Organização Marítima Internacional por um consórcio internacional composto por dez consultorias, institutos de pesquisa e universidades de quatro continentes. O consórcio foi liderado por CE Delft.

Jasper Faber, CE Delft, gerente de projetos, disse: “O relatório fornecerá à IMO uma base factual para as negociações sobre medidas para lidar com as emissões de gases de efeito estufa provenientes do transporte marítimo. Os métodos e a apresentação dos Estudos de Gases de Efeito Estufa melhorou sobre as edições anteriores. Estamos orgulhosos de ter montado um consórcio verdadeiramente global, reunindo alguns dos melhores especialistas da área”.

Shinichi Hanayama, diretor técnico da ClassNK, completou: “Nesta quarta edição, aplicamos uma análise de qualidade mais abrangente para cada tarefa, o que levou a uma melhor qualidade, com mais experiência e conhecimento. Estamos orgulhosos de termos concluído todas as tarefas pesadas dentro do cronograma, na situação do COVID-19″.

 

 

Fonte: Portos e Navios

 

Fonte:
http://brazilmodal.com.br/2015/highlights/quarto-estudo-de-gases-de-efeito-estufa-da-imo-emissoes-maritimas-aumentam-em-ate-50-ate-2050-em-relacao-a-2018/