Outra nova empresa aérea está surgindo, revela pedido de registro de marca | Brazil Modal

Se a pandemia da Covid-19 gerou grande impacto negativo na aviação mundial, sepultando muitas empresas aéreas e reduzindo o tamanho da maior parte das sobreviventes, por outro lado, a crise é enxergada como um momento de oportunidade para novos empreendimentos.

Enquanto vemos algumas empresas no Brasil, como NellaITA e Asas, dando seus passos rumo à certificação, bem a Breeze do brasileiro David Neeleman prestes a decolar nos Estados Unidos, outro grupo mostra que está planejando se lançar ao mercado aéreo para aproveitar as condições especiais geradas pela crise, como centenas de aviões disponíveis a preços baixos e a vindoura retomada pós-pandemia.

Segundo dados do Escritório de Marcas e Patentes dos Estados Unidos (USPTO), o grupo denominado “Houston Air Holdings, Inc.” solicitou o pedido de registro da marca de sua nova empresa aérea, batizada Avelo Airlines.

No pedido, a marca foi associada ao uso em algumas categorias, entre elas estando:

– “software para transporte de passageiros em companhias aéreas e programas de prêmios de fidelidade para passageiros de companhias aéreas”;

– “software para rastrear e resgatar prêmios de programas de fidelidade para passageiros de companhias aéreas”;

– “software para emissão de bilhetes de passageiros de companhias aéreas, atribuição de lugares em voos aéreos e verificação de reservas, horários de voos e estado de voos.”

Visualmente falando, a marca associada ao nome Avelo Airlines é a imagem apresentada a seguir, que é descrita como: “A marca consiste em três formas de osso esterno horizontais, cada uma com elementos simétricos superior e inferior e extremidades planas, com o osso esterno superior se sobrepondo ao osso esterno central e inferior e com a osso esterno central se sobrepondo ao osso esterno inferior.”

Marca da Avelo Airlines – Imagem: USPTO

Por se tratar apenas de um pedido de registro de marca, não há maiores detalhes no USPTO sobre quais seriam os planos de frota e operações da companhia aérea, porém, segundo reporte da Bloomberg em fevereiro do ano passado, o grupo Houston Air Holdings tem participação de Andrew Levy, que já foi diretor de importantes empresas como Allegiant e United, e naquele momento havia levantado US$ 125 milhões em fundos para a criação de uma nova empresa.

Também segundo a Bloomberg, planos já comentados por Andrew no ano passado indicavam o uso de aviões Boeing 737-800 com 189 assentos para serviços charter no verão. O foco seria em rotas aéreas de mercados secundários, com ligações ponto-a-ponto de curta distância entre aeroportos menores.

Para agilizar o início das operações, a Houston Air Holdings até mesmo já havia adquirido outra empresa aérea, a XTRA Airways Inc., ainda no início dos planos, em 2018. Assim, com uma empresa já certificada, a Avelo deve pular várias etapas burocráticas e pode decolar em um prazo muito menor do que se efetuasse todo o processo a partir do zero.

 

 

 

Fonte: Aeroin

Fonte:
http://brazilmodal.com.br/2015/highlights/outra-nova-empresa-aerea-esta-surgindo-revela-pedido-de-registro-de-marca/