Madeleine: Suspeito poderá ser preso na Alemanha por estupro em outro caso

Christian Brückner, o principal suspeito de assassinar a menina Madeleine McCann em 2007, deverá cumprir pena de nove anos de prisão na Alemanha por um outro caso, em que ele foi condenado por estuprar uma americana de 72 anos. A informação foi antecipada por uma autoridade do Tribunal Europeu de Justiça, a suprema corte da União Europeia.

O caso de estupro ocorreu em 2005, dois anos antes do desaparecimento de Madeleine e na mesma região em que a menina britânica foi vista pela última vez: a Praia da Luz, no sul de Portugal.

Brückner, que é alemão, morava no Algarve, onde fica a Praia da Luz, quando os dois casos aconteceram. Segundo o jornal Bild, ele morou na região entre 1995 e 2007.

Ele foi condenado no caso do estupro da americana já no final de 2019, muito antes de se tornar em junho o principal suspeito do caso Madeleine.

Continua após a publicidade

O impasse se dá sobre o cumprimento da pena. Segundo a defesa de Brückner, ele não poderia ser condenado pela Justiça alemã pelo estupro devido a um imbróglio de extradição.

Em 2018, ele foi extraditado da Itália para a Alemanha por um terceiro caso, envolvendo tráfico de drogas. Apenas depois, os alemães conseguiram a autorização dos italianos para julgá-lo pelo estupro.

ASSINE VEJA

Os 10 fazendeiros que mais desmatam a Amazônia Leia em VEJA: Levantamento exclusivo revela os campeões da destruição. Mais: as mudanças do cotidiano na vida pós-pandemia

Clique e Assine

A defesa alega que, mesmo com essa autorização posterior, Brückner só poderia ser julgado pelas autoridades alemães no caso de tráfico de drogas, e não de estupro.

Esse imbróglio chegou ao Tribunal Europeu de Justiça, que deve confirmar o seu veredito nos próximos meses.

Continua após a publicidade

Atualmente, Brückner está em uma prisão em Kiel, no norte da Alemanha, cumprindo pena por tráfico de drogas.

Se ele não puder ser condenado pela Justiça alemã no caso de estupro, Brückner será solto até janeiro de 2021.

(Com Reuters)

Fonte:
https://veja.abril.com.br/mundo/madeleine-suspeito-podera-ser-preso-na-alemanha-por-estupro-em-outro-caso/